Como começar um negócio na internet se ganho pouco e não sei nada de informática

pig-632116_1280Eis aí uma situação em que a primeira vista parece sem saída. Mas, é possível sim, começar um negócio na internet, mesmo ganhando pouco e ainda por cima a pessoa não dominando nada de informática, mais precisamente o mundo online e o empreendedorismo digital.

Para explicar como isto é possível, vou dividir a explicação em duas partes. A primeira, a falta de conhecimento no mundo online, e a segunda, a questão financeira.

Quanto à questão de não dominar a internet e informática, esta dificuldade pode ser facilmente superada. Isto se deve graças a grande revolução que o mundo digital vem promovendo na educação.
Atualmente existem dezenas de cursos que ensinam passo a passo de como criar um blog, realizar hospedagem, domínios, criar postagem, etc.

Estes cursos apresentam diversas vantagens em relação ao convencional, o físico-presencial. O aluno pode estudar a hora que dizer, e quando puder. Rever as aulas quantas vezes quiser também. Os produtores, sabendo que seus alunos são pessoas que muitas vezes estão começando do zero (como aconteceu no meu caso) criaram uma metodologia específica para superar este problema.

As aulas são em série, e sua metodologia segue uma espécie de estudo guiado. As aulas são divididas de forma que o aluno ao assistir tenta pôr em prática aquilo que aprendeu.

Desta forma, ao término do curso, o aluno tem montado seu projeto inicial. O melhor de tudo, sem precisar de auxílio de um técnico. Ou seja, a pessoa além de montar o seu negócio, automaticamente vai dominando as ferramentas necessários para se inserir no mundo on-line. Assim, se transforma num empreendedor autônomo.

É incrível, mas é assim mesmo. A didática que é fundamentada nestes cursos me surpreendeu. Foi exatamente isto que me chamou a atenção, a ponto de constatar que este modelo vai promover, em breve, uma grande revolução na educação.

Assim, aprender ficou muito fácil. O êxito só vai depender da força de vontade e dedicação do aluno. Para isto basta se esforçar e dedicar atenção aos estudos. Compreender que aprender é um processo, muitas vezes lento, sofrível, mas que com persistência as barreiras serão vencidas.

Será realmente possível começar do zero?

Agora, vamos para a questão financeira. Suponha que a pessoa que queira entrar para o empreendedorismo digital ganhe pouco. Sua renda seja de um salário mínimo e ainda por cima tenha uma família para sustentar. Seja casado e não more com os pais.

Sei que nesta situação a coisa não é fácil e eu já vivi isto na pele. Porém, se tiver força de vontade e objetivos bem claro, com foco onde se quer chegar, aposto que mesmo assim é possível criar seu projeto de empreendedorismo digital.

Para este caso, vou traçar uma estratégia. Para iniciar um negócio online, os primeiros são a criação de um blog. Porém, para isto, é preciso de um investimento inicial para custear o domínio e hospedagem do blog a ser criado,

Além destes dois investimentos, ainda tem o custo pela aquisição do curso. Estes, por sua vez, podem ser parcelados em 12 meses.

Desta forma, a primeira reserva que a pessoa deve fazer, é levantar o recurso inicial para domínio e hospedagem. A preço de hoje, e de acordo com recomendações de especialistas, isto fica em torno de R$ 115,00. São R$ 30,00 do domínio anual, e R$ 83,00 por 6 meses de hospedagem.
Este investimento inicial é o suficiente para que a pessoa que está começando do zero, vá montando seu projeto. Montando o blog, postando artigos e fotos. Aprendendo como mexer no wordpress que é a plataforma ideal para quem quer um blog profissional.

A partir daí aparecerão outros investimentos, como templat, página de capturas, e outras ferramentas e técnicas. Mas, até que o aluno tenha seu projeto implantado vai demorar uns 6 meses, e certamente já tenha adquirido recursos para outros investimentos.

Quero lembrar que estou falando daquelas pessoas que estão realmente iniciando do zero, tem pouco tempo para estudar e ainda por cima pouco recurso financeiro. Para outras pessoas, com mais recursos, conhecimentos e tempo, este tempo pode ser muito mais curto, e além do mais já pode estar tendo algum retorno financeiro.

Finalizo este artigo lembrando uma coisa. O empreendedorismo digital, como muitas outras coisas na vida, requer paciência e persistência. Entretanto, para aqueles que tem estas duas características, o resultado final será o sucesso.

O que tenho visto de acordo com testemunhos de pessoas que hoje vivem do empreendedorismo digital é que o início foi muito difícil, mas com o passar do tempo as coisas vão ficando mais suave, até aparecerem os primeiros resultados satisfatórios, ou seja, a entrada de dinheiro.

Mas, não acho que isto seja anormal. Tudo na vida é assim mesmo. Se tem de investir no início, estudar até dominar aquilo que se pretende fazer.

Só sei que a energia gasta no conhecimento e o investimento feito num negócio digital é muitas vezes inferior ao negócio físico. Para se chegar a graduação de um curso superior em licenciatura, por exemplo, são gastos 4 anos de faculdade. Mais um ano de preparação para o vestibular e geralmente mais um ou dois se preparando para um concurso público. Observe que este tempo é de aproximadamente 7 anos.

Quanto ao negócio físico, uma loja, por exemplo, o aluguel de um espaço para uma loja, mesmo que seja num bairro periférico de uma cidade pequena, está na faixa de R$ 400,00. Ainda tem água e luz, fora as outras despesas. No ano, seria R$ 4.800,00.

Ora, com este volume de investimento anual no empreendedorismo digital, a pessoa já deve ter montado seu projeto, feitos alguns bons cursos e se a coisa foi feita profissionalmente, já ter um negócio consolidado,

Gostou? Compartilhe!

wlisses

Jornalista, professor e empreendedor digital. Adoro pesquisar e compartilhar aquilo que aprendi. Assim, tanto aprendo, como estarei sempre ajudando a outras pessoas para que consigam também realizar os seus sonhos.

Website: http://wlissesguerra.com.br